Apenas super e hipermercados devem registrar crescimento nos próximos meses.

supermercado-freepik-750x430

A projeção é positiva para o setor supermercadista.

Segundo Projeção de Vendas, do Instituto Brasileiro de Executivos de Varejo e Mercado de Consumo (IBEVAR), apenas o segmento de hiper e supermercados deve apresentar avanço nos próximos meses, com índices que marcam 5,61% para agosto, 5,40% para setembro e 5,92% em outubro. O crescimento é tímido quando comparado à projeção de junho, que foi de 19,18%.

Já as vendas do varejo ampliado, que considera também o setor automotivo e material de construção, devem registrar uma retração gradual de 16,41% em agosto, 17,19% em setembro e 17,19 em outubro, quando comparados com os mesmos períodos do ano passado.

Mesmo o setor farmacêutico, que apresentava crescimento contínuo nos últimos meses, marca uma leve queda, com projeção de -1,57% em agosto, -2,02% em setembro e -3,04% para outubro.

Outras categorias projetam quedas consideráveis, em agosto, setembro e outubro, respectivamente, como:

  • livros, jornais, revistas e papelaria, com -68,50%, -69,27 e -70,60%;
  • tecidos, vestuário e calçados com -53,28%, -54,70% e -54,75%;
  • veículos, motos, partes e peças com -39,32%, -39,97% e -41,35%;
  • equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação com -34,62%, -33,58% e -36,52%;
  • combustíveis e lubrificantes com -19,82%, -21,03% e -22,51%;
  • e móveis e eletrodomésticos com -12,17%, -17,40% e -17,59%.

FONTE: NEW TRADE

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×